O Gambá que não sabia sorrir - Rubem Alves

Edição 2001
Ilustrado por André
Editora Loyola

Sinopse:
Um gambá é motivo para as mais diversas reações. Todos querem descobrir se ele é alegre ou triste...Todos pretendem decidir o seu destino, mas só um menino conseguirá ver as coisas como o gambá as vê. E o respeita.

Confira:
Site do autor:
http://www.rubemalves.com.br/sobreainterpretacao.htm

Download da obra "O Gambá que não sabia sorrir":
http://www.4shared.com/document/NG0wkwkD/O_Gamba_que_nao_sabia_sorrir.html

Site da Editora:
https://www.livrarialoyola.com.br/detalhes.asp?secao=livros&CodSub=1&ProductId=498&Menu=1#

Parte do livro disponibilizado online:
http://books.google.com.br/books?id=MAs7axRNgioC&printsec=frontcover&dq=O+Gamb%C3%A1+que+n%C3%A3o+sabia+sorrir+-+Rubem+Alves&source=bl&ots=G2l-_Q3uVi&sig=zrgCyJm24z_HHrJSyy6Z-og-MTQ&hl=pt-BR&ei=OjSKTNewNsL88AbrvZiMCw&sa=X&oi=book_result&ct=result&resnum=2&ved=0CBgQ6AEwATgK#v=onepage&q&f=false
  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Twitter
  • RSS

3 Response to "O Gambá que não sabia sorrir - Rubem Alves"

  1. Anônimo Says:
    11 de outubro de 2011 09:10

    sou apaixonada por este livro do Rubem alves, no começo de minha vida como professora trabalhei com ele, os alunos remontaram a história, foi muito legal!
    Kelle Cristina leite Henschel
    Brusque SC

  2. Anônimo Says:
    25 de fevereiro de 2013 17:09

    Ninguém tem o direito de querer mudar o outro por achar que ele é desse jeito ou de outro jeito qualquer ou deve ser do jeito que eu acho que deva ser. Cada um tem um perfil peculiar e uma maneira própria de viver. O que podemos fazer pelo outro é achar formas de vê-lo pela ótica dele mesmo. É entrar no outro para desvencilhar seu eu e seus problemas e assim formular hipóteses para o ajudarmos.

    Desde que meus filhos nasceram, 85 e 87, nós líamos para eles os livros de Rubem Alves na hora de ir para cama e eles amavam. Minha filha gostava tanto da história da sementinha e se tornou tão real na vida dele que hj ela lembra com carinho. Essa historinha foi mais um achado para mim.

  3. Amanda Guene says:
    5 de março de 2013 20:34

    O texto primeiramente mostra o Gambá e os animais da floresta felizes; cada um do seu jeito, porém felizes. Mais tarde, aparecem pessoas que sabem como fazer os bichos felizes, mas elas acham que sabem, pois, o que na verdade elas fizeram foi deixar o Gambá infeliz, visto que, não souberam reconhecer a felicidade do Gambá, não conseguiram reconhecer que a felicidade pra ele era estar em seu habitat natural, com seus companheiros, e da maneira que ele mais gostava de ficar: de cabeça para baixo. Esta reflexão nos leva a pensar que algo que pareça ser bom para a maioria, não quer dizer que é bom para todos; as individualidades devem ser respeitadas!

Postar um comentário

Seja bem vindo!
Sempre que acessar o blog, deixe seu recado!
Ele é muito importante e também motiva nosso trabalho!
Obrigada pela visita!