A cabeça bem-feita - Edgar Morin


Sinopse:
Reformar o pensamento para reformar o ensino para reformar o pensamento é o que preconiza Edgar Morin. Na linha da reforma do pensamento, ele propõe os princípios que permitiriam seguir a indicação de Pascal: ´Considero impossível conhecer as partes sem conhecer o todo, tanto quanto conhecer o todo sem conhecer, particularmente, as partes...´
Esses princípios levam o pensamento para além de um conhecimento fragmentado que, por tornar invisíveis as interações entre um todo e suas partes, anula o complexo e oculta os problemas essenciais; levam, igualmente, para além de um conhecimento que, por ver apenas globalidades, perde o contato com o particular, o singular e o concreto.
Eles permitem remediar a funesta desunião entre o pensamento científico - que desassocia os conhecimentos e não reflete sobre o destino humano - e o pensamento humanista - que ignora as conquistas da ciência, enquanto alimenta suas interrogações sobre o mundo e sobre a vida.
Daí a necessidade de uma reforma de pensamento referente a nossa aptidão para organizar o conhecimento, que permita a ligação entre as duas culturas divorciadas. A partir daí, ressurgiriam as grandes finalidades do ensino, que deveriam ser inseparáveis: promover uma cabeça bem-feita, em lugar de bem cheia; ensinar a condição humana, começar a viver; ensinar a incerteza, aprender a se tornar cidadão.

Confira:
Download da obra disponível em:
  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Twitter
  • RSS

1 Response to "A cabeça bem-feita - Edgar Morin"

  1. Denise Carceroni says:
    25 de junho de 2011 13:14

    Oi Gabriela!

    Achei seu blog o máximo! Parabéns!
    Obrigada por avisar no blog Criando Crianças que o link para o site Festa Junina, não estava funcionando. Já foi corrigido!

    Um abraço

    Denise

Postar um comentário

Seja bem vindo!
Sempre que acessar o blog, deixe seu recado!
Ele é muito importante e também motiva nosso trabalho!
Obrigada pela visita!